ERROS DE MAQUIAGEM QUE TE FAZEM PARECER MAIS VELHA

8

Que a maquiagem consegue mudar completamente uma pessoa, acho que ninguém mais tem dúvidas. Acontece que, quando mal feita ou feita sem muito conhecimento, essa mudança pode ser pra pior. Por isso o post de hoje lista alguns erros super comuns de maquiagem que podem te fazer parecer mais velha – e eles valem para todas as idades, viu?

Exagerar na quantidade de base: eu diria que esse é o pior e mais praticado deles. Nós costumamos ter aquela sensação de quanto mais base, maior cobertura, menos “defeitos” e uma pele mais bonita, não é mesmo? Acontece que o produto em excesso tende a acumular em qualquer imperfeição da pele, como marquinhas de expressão, rugas, etc (por isso o excesso de base é ainda menos indicado para peles maduras), e com o tempo, a maquiagem tende a craquelas e chamar atenção justamente para os pontos que estávamos tentando disfarçar. Ninguém merece!

Usar o tom de base errado: encontrar a base no tom perfeito para a nossa pele é uma tarefa bem difícil, por isso geralmente precisamos passar horas testando toda a cartela de cores das marcas e, mais tempo ainda, dando voltas para esperar o produto adaptar-se à nossa pele e revelar-se igual a ela ou não. Mas eu vou te dizer que todo esse trabalho vale a pena, tá? Se o excesso de base é um problema e tanto para quem busca uma maquiagem perfeita, imagine se o produto estiver no tom errado (pior ainda se estiver mais escuro). Efeito máscara na certa!

erros-de-maquiagem-que-te-fazem-parecer--mais-velha-blog-flavia-carboni

Usar muito pó: seguindo a linha de raciocínio do excesso de base, o pó tende a acumular nas imperfeições da pele, craquelas e, além disso, deixar o visual muito carregado e artificial. Para quem não dispensa o produto e prefere sempre um efeito mais mate, o ideal é optar por pós soltos e translúcidos (que não adicionam cor à make).

Exagerar nos contornos com blush marrom: vocês já entenderam que nenhum exagero faz bem, né? Quanto mais leve e natural a maquiagem, melhor. Mesmo assim, a gente tem a tendência de achar que quanto mais definição e contornos nosso rosto tiver, mais magras/ jovens/ bonitas estaremos. Acontece que o processo de contorno e toda aquela história de luz e sombra não é tão simples quanto parece, envolve muita prática e só deve ser feita (em excesso) por quem tem experiência. Usar cores erradas, como blushes marrons e bronzers alaranjados, pioram ainda mais o resultado. Aqui no blog, já fiz post falando sobre os produtos ideais para um contorno perfeito – clica aqui.

erros-de-maquiagem-que-te-fazem-parecer--mais-velha-blog-flavia-carboni

Contornar os lábios com lápis: eu sei que nesse “era Kylie Jenner” a gente acredita cegamente no que a menina fala ou faz quando o assunto é maquiagem, e o contorno é um super aliado da moça (diz ela, né?) para conseguir aquele bocão. Acontece que contornar os lábios com lápis também não é uma tarefa muito fácil, por isso só faça isso com muito bom senso e certifique-se de que o lápis seja da mesma cor do batom e/ ou não fique aparente. Por favor.

erros-de-maquiagem-que-te-fazem-parecer--mais-velha-blog-flavia-carboni

Lápis preto e muito rímel nos cílios inferiores: essa não é uma máxima, mas deve ser levada em conta por quem tem os olhos pequenos, caídos e/ ou muitas olheiras, por exemplo. O lápis preto “diminui o olho”, endurece o olhar e, se combinado com a máscara nos cílios inferiores, o combo vai se destacar e chamar atenção para aquela região, que é justamente a que você quer esconder, entendeu?

Sombras cintilantes: segue o mesmo raciocínio do item anterior. A ideia é sempre destacar o que você tem de melhor, e não o contrário. Por isso evite sombras muito chamativas e brilhosas se sua pálpebra não for o seu ponto forte. Esse tipo de sombra realça super as rugas.

erros-de-maquiagem-que-te-fazem-parecer--mais-velha-blog-flavia-carboni

Marcar demais as sobrancelhas: sobrancelhas bem desenhadas e alinhadas dão um up em qualquer produção, mas não exagere no preenchimento. A gente gosta de ficar lá minutos e mais minutos definindo-as e não tem nada de mal nisso, desde que o produto que você estiver usando seja do tom certo para a cor dos seus fios e as linhas não fiquem muito marcadas – tipo uma tatuagem, sabe assim? Já fiz resenha aqui no blog sobre o produto que uso para preencher as minhas, clica aqui para ler.

Enfim, eu diria que ter bom senso e mão leve são as regras básicas para uma maquiagem que vai te valorizar e não envelhecer. Deixando bem claro que cada um tem as suas manias e gostos, e o objetivo desse post não é mudar nenhum deles, nem muito menos julgar alguém, mas sim auxiliar aquelas que buscam atualizações e gostam de ler sobre o assunto, ok?

Beijos,

Flávia.

 

Comentários8 Comentários

  1. Por isso eu gosto de maquiagem simples.
    Morro de medo de exagerar (como muitas vezes já fiz) e ficar totalmente diferente.
    O post foi ótimo, pois tem muita gente que faz essas coisas achando exatamente que vai ficar melhor, mas na verdade fica terrível.

  2. Excelente post como sempre, Flávia! Já anotei as dicas que não conhecia ou não praticava para não errar mais!

    Vi que você comentou do blog que fez um vídeo baseado em Try, da Colbie. Se eles estiver disponível na web você poderia me deixar o link lá no blog pra eu assistir?

    Tem sorteio rolando no blog! http://www.opinada.com

Deixe uma resposta